segunda-feira, 11 de outubro de 2010

BOA NOITE, CINDERELA

Publicado n'O Jornal de Uruguaiana de 09 jun 2010
e no jornal Letras Santiaguenses de set/out 2010

Eis que num dos tempos ociosos do meu dia deparei-me pensando em algumas coisas interessantes para se fazer na vida com a pessoa que gosta, seja ela a esposa, namorada, ficante ou qualquer outra relação afetiva. Presentear com pétalas de rosa num buquê grande e lindo, para quem nunca fez, é a primeira providência. Mas não esqueça do cartão. Nem que seja feito à mão, pequeno, com duas linhas escritas. E que seja de coração.
Basicamente, precisamos de um jantar romântico. Se houver ocasião especial, perfeito! Se não houver, perfeito também! Vamos ao tradicional, porque faz parte do imaginário de todo mundo, especialmente das mulheres. Vela, toalhinha delicada e bonita, balde com champanhe e muito gelo, som com a seleção de músicas que ela adora. É um trabalho pra ser iniciado alguns dias antes. Só no dia vira correria.
Ah, caso não se garanta na cozinha, o melhor é encomendar uma pizza.
Outra coisa interessante seria, enquanto a garota se prepara no banheiro, antevendo aquela noite maravilhosa com ela, puxar da mochila um pacotinho de pétalas de flores e espalhar na cama. Se der tempo e a criatividade ajudar, escreva as iniciais dos dois ou faça um desenho inspirador. Receber rosas é legal e as pétalas na cama certamente serão tanto quanto.
Realize um sonho da garota que ama. Se ela não conhece a praia, convide-a para viajar num feriadão. Mas não diga o lugar. Ou invente outro. À medida que forem chegando, possivelmente a ficha irá cair. Mas aí a surpresa estará feita. Ela terá que comprar um novo biquíni, mas isso faz parte do suspense.
Costumeiramente os pores-do-sol e nasceres são lindos. Se houver um rio ou mar próximos, a chance de ser uma visão encantadora é muito grande. O pôr-do-sol é mais fácil de ser degustado, uma vez que já estamos acordados quando ele ocorre. Mas não deixe de ir ver com sua querida. Um tanto mais sofrível é vê-lo nascer. Mas o resultado compensa. Ponha o celular para despertar um pouco mais cedo. Previna-se com um som e dentro dele um CD. Senão a única opção poderá ser ouvir a Rádio Gaúcha, o que não tem nada de romântico nisso.
Se vocês namoram ou ao menos há acesso até o quarto dela, espalhe por todo ele bilhetes. Pode estar escrito apenas OI, ou BEIJOS, ou TE ADORO, ou TE AMO. Qualquer coisa que faça lembrar vocês dois. Se ela passar a semana inteira encontrando ao acaso esses bilhetes, a cesta será de três pontos!
Além disso, fuja um dia com ela. Rapte-a. Ainda que a garota more sozinha. O destino? Só vocês dois sabem. Hospedem-se num hotel e contem outra história em casa. Não tem como viajar? Fiquem num hotel da própria cidade. Permitam-se turistas por um dia. E fica sendo um segredo só de vocês dois.
Surpreenda sua garota. Surpreenda-se. Crie e recrie. Só não deixe a relação amornar na mesmice. A nossa vida é muito curta para desperdiçar tempo com água morna. Que seja quente. Mas não fervente, porque queima. Não podemos esquecer que se não fizermos coisas diferentes com as pessoas que gostamos, ou elas farão algum dia com outra pessoa, ou você e ela terão se privado de algo que seria bom para os dois.
Li certa vez e nunca esqueci, mas não recordo onde. As melhores coisas que ocorrem conosco acontecem em dias normais, cotidianos, na rotina. É num dia comum. Porque os astros não alinham, não ocorre um eclipse solar só para louvar o que está fazendo, o Brasil não para esperando o desenrolar da sua surpresa.
Se as dicas forem muito românticas, desconsidere o que achar mais meloso. Se não concordar com o que é dito aqui, tudo bem. Há quem concorde. Tire proveito do que não lhe agrada para, então, fazer diferente. Está aí a multiplicidade de pensamentos e modos de ser das pessoas. Independente do ponto de vista, faça a sua garota sentir-se melhor, perceber-se sua. Para que você mereça dar-lhe um boa noite, Cinderela.

Um comentário:

Receba as atualizações do blog!